Dieta Paleolítica – O Que é e Quais os Alimentos Permitidos

cardapio dieta paleolitica

Que hoje em dia há vários tipos de dietas para cada tipo de pessoa, isso é um fato! Sempre descobrimos novas dietas, ou apenas pouco conhecidas, e as dúvidas que surgem são sempre sobre os tipos de alimentos permitidos e não permitidos dentro da dieta em questão.

Uma dessas dietas é a paleolítica, uma dieta sem qualquer suplemento ou adicionais químicos!

O QUE É A DIETA PALEOLÍTICA?

A dieta ganha o nome de paleolítica por ser inspirada na época paleolítica, onde nossos ancestrais comiam o que estava disponível através da caça. Na época, ainda não havia acontecido a revolução agropecuária, que foi quando iniciou-se o que hoje nós temos como diversos tipos de plantações.

Os homens das cavernas se alimentavam de carne, verduras e frutas frescas. São descritos como fortes, robustos e com pouca gordura ruim! E tudo devido à sua alimentação e rotina.

É óbvio que você não terá garantias de desenvolver a hipertrofia simplesmente por mudar seu modo de se alimentar, no entanto, é interessante notar como hábitos saudáveis colaboram para bons resultados.

O QUE PODE, E NÃO PODE COMER NA DIETA PALEOLÍTICA?

O que funciona nesta dieta é, literalmente, tudo aquilo que você risca de sua lista.

Risque da lista de compras:

  • Grãos e derivados (arroz, feijão, trigo, pão, milho, etc);
  • Leite e derivados (queijo, requeijão, etc);
  • Alimentos congelados;
  • Alimentos que já vêm salgados;
  • Alimentos pré-prontos;
  • Alimentos processados.

Acrescente na lista:

  • Frutas frescas;
  • Carne vermelha com o menor índice de gordura possível;
  • Peixes;
  • Verduras (exceto grãos).

Também evite o açúcar, tanto em cristal quanto os adoçantes. Modere na utilização do Sal. Enquanto ao óleo, dê preferência para o de abacate, linhaça, nozes e azeite.

Enfim, evite alimentos com conservantes, industrializados e com alto teor de gordura. Aqui também entram refrigerantes, troque-os por sucos naturais.

POR QUANTO TEMPO DEVO MANTER ESTA DIETA?

A mudança nunca deve ser feita de um minuto para outro. Faça aos poucos, riscando item por item.

Há nutrientes que seu corpo precisa e que fazem parte, justamente, dos alimentos riscados, por isso, tente trabalhar com ciclos. Por 15 ou 20 dias se mantenha na dieta e depois passe 20 dias comendo alimentos que costumaria comer.

Agora, por quanto tempo deve manter-se na dieta paleolítica é algo que só pode ser definido por você. Há quem jamais se veja trocando o Arroz por saladas, enquanto o feijão é importante para nos ajudar a repor o ferro. Por isso, analise bem como seu corpo reage ao processo e não tenha pressa.

POSSO FAZER POR CONTA PRÓPRIA?

É importante lembrar que, nos dias atuais em que vivemos com tamanha comodidade, as chances de você precisar dos nutrientes existentes nos alimentos que planeja riscar são muito grandes. Por isso, consulte um nutricionista de sua confiança para que ele te ajude a montar uma tabela de alimentação que não afete sua saúde.

Emagreça de forma saudável, evite fazer qualquer dieta por conta própria. Também evite trocar sua alimentação de maneira brusca, pois seu corpo precisa de tempo para se adaptar às mudanças e entender que não precisa mais do item e que sua ausência vai ajudá-lo a trabalhar melhor.

Também evite impor este tipo de dieta aos menores de 16 anos, pois ainda estão em fase de crescimento.

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *